DOIS MESES DEPOIS, BRASIL PEDE PARA INTEGRAR ALIANÇA POR VACINAS


Segundo a coluna de Jamil Chade, no UOL, europeus e outros parceiros já avisaram que o Brasil só poderá participar caso contribua financeiramente

Após meses tecendo críticas à Organização Mundial da Saúde (OMS) e se recusando a participar das iniciativas da entidade, o governo brasileiro tenta contato com as principais entidades internacionais. na esperança de fazer parte da aliança que está sendo construída para acelerar o desenvolvimento de vacinas e tratamentos. A informação é da coluna de Jamil Chade, no UOL.

Europeus e outros parceiros já avisaram que o Brasil só poderá participar caso contribua financeiramente. Em abril, quando o projeto foi lançado, o Itamaraty sequer foi convidado para a cúpula. O evento arrecadou US$ 8 bilhões, na esperança de acelerar a pesquisa e desenvolvimento de produtos contra a covid-19. À época, o Ministério da Saúde informou à coluna que tinha "outros projetos" de aliança.

Quase dois meses depois, entre os dias 8 e 9 de junho, o governo brasileiro enviou cartas aos principais atores envolvidos no projeto, indicando o desejo de participar. Além da OMS e da UE, a iniciativa conta com entidades como a Unitaid e Gavi, líderes na distribuição internacional de tratamentos e vacinas.

Atualmente, o Brasil é o país que registra o maior número de casos nos últimos 14 dias, período de incubação do vírus.

Via Metro 1

Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Tv Web Barreiras. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog Tv Web Barreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada ou que esteja sem identificação.

Tecnologia do Blogger.