ESCOLA DO TRABALHADOR: GOVERNO OFERECE CURSOS GRÁTIS DE EXCEL, INGLÊS E ESPANHOL - Tv Web Barreiras

Notícias Recentes

28 de nov de 2017

ESCOLA DO TRABALHADOR: GOVERNO OFERECE CURSOS GRÁTIS DE EXCEL, INGLÊS E ESPANHOL

O serviço implementado pelo Ministério do Trabalho oferece cursos como forma de combater o desemprego no país.

A Escola do Trabalhador é uma plataforma de ensino a distância implementada pelo Ministério do Trabalho como forma de combater o desemprego. O serviço oferece cursos de capacitação online, gratuitos e sem a necessidade de escolaridade mínima nos doze eixos tecnológicos estabelecidos no Guia de Cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC) do Ministério da Educação. Cada um deles tem, em média, 40 horas de duração e requer apenas um computador ou outro aparelho com conexão à Internet.

Escola do Trabalhador oferece cursos online gratuitos a fim de combater o desemprego (Foto: Reprodução/ Escola do Trabalhador)

Cursos disponíveis

Dentro de cada um dos eixos tecnológicos, a Escola do Trabalhador oferece um ou mais de cursos, como “Cuidando de pessoas idosas”, dentro de “Ambiente e saúde”; “Análise de investimentos”, em “Gestão de Negócios”; ou “Edição e tratamento de imagens”, como parte de “Produção cultural e design”.

Confira abaixo a lista de atividades disponíveis:

1) Informação e comunicação
- Segurança da informação

2) Ambiente e saúde
- Conhecendo o perfil do agente comunitário de saúde e o seu processo de trabalho
- Cuidando de pessoas idosas

3) Turismo, Hospitalidade e Lazer
- Agenciamento de viagens
- Espanhol aplicado ao trabalho
- Inglês aplicado ao trabalho

4) Recursos naturais
- Análise de Investimento
- Criando um negócio de sucesso
- Empreendedorismo na pesca

5) Desenvolvimento educacional e social
- Português básico para o mundo do trabalho

6) Produção alimentícia
- Higiene na indústria de alimentos

7) Segurança
- Segurança da informação

8) Produção cultural e design
- Edição e tratamento de imagens

9) Produção industrial
- Gestão da Qualidade

10) Gestão e negócios
- Análise de Investimento
- Comunicação escrita para o trabalho
- Criando um negócio de sucesso
- Demonstrações Contábeis e sua Análise
- Elaboração de folha de pagamento de empresas
- Fundamentos e Processos de gestão de Recursos Humanos
- Introdução ao Excel

11) Infraestrutura
- Análise de riscos na construção civil

12) Controle e processos industriais
- Processos industriais

Como funciona?

As aulas são feitas a distância e o aluno pode criar o seu próprio plano de estudo no EAD — Educação a distância — de acordo com a sua rotina e necessidade, precisando apenas respeitar o período de duração. Caso tenha interesse em se matricular em alguma das atividades, basta clicar no link "Inscrever, presente na tela de cada curso e preencher um formulário informando nome, CPF e e-mail.
Para fazer a matrícula na Escola do Trabalhador, basta clicar no botão "Inscreva-se neste curso" (Foto: Reprodução/ Escola do Trabalhador)

Dentro de instantes, o interessado recebe um e-mail de confirmação com os dados de acesso e instruções, já sendo possível começar a tomar as primeiras aulas. No entanto, é importante ficar atento ao período de inscrições. Caso esteja encerrado, é necessário aguardar o início de uma nova turma.

Certificado

Os alunos que concluírem os estudos com a nota mínima para aprovação e que responderem à avaliação serão certificados pela Universidade de Brasília (UNB) como cursos de extensão. Além da capacitação, o site fornece ainda informações sobre possibilidades de capacitação profissional, oportunidades de emprego e estágios, além de dados e estatísticas sobre carreira e o trabalhador.

Fonte: techtudo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Tv Web Barreiras. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog Tv Web Barreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada ou que esteja sem identificação.