0

A Polícia Federal recebeu a denúncia sobre o 'bunker' do ex-ministro Geddel Vieira Lima um dia depois de ele ter sido autorizado a cumprir prisão domiciliar. Nesta terça-feira (5) agentes da PF encontraram caixas e malas de dinheiro em um apartamento no Edifício Residencial José da Silva Azi, no bairro da Graça, em Salvador. 

A decisão do desembargador Ney Bello, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, foi publicada no dia 13 de julho deste ano. Em decisão que autorizava a operação o juiz Vallisney de Souza Oliveira, do mesmo tribunal, disse na decisão que autorizava a operação que o Núcleo de Inteligências da Polícia Federal teria recebido a notícia no dia 14 de julho deste ano. "Asseverando que, no último semestre, um apartamento do 2º andar do Edifício Residencial José da Silva Azi estaria sendo utilizado por Geddel Quadros Vieira Lima para guardar caixas com documentos", diz a decisão. 

O imóvel teria sido cedido por Silvio Silveira para que o peemedebista supostamente guardasse pertences de seu pai, morto em janeiro de 2016. O ex-ministro foi preso em 3 de julho deste ano, na capital baiana, por suspeita de obstrução de justiça - Geddel ligou várias vezes para a esposa do doleiro Lúcio Funaro, na tentativa de intimidá-lo a não fechar acordo de delação premiada com a força-tarefa da Operação Lava Jato. O peemedebista também é investigado na Operação Cui Bono, que apura irregularidades na Caixa Econômica Federal - da qual Geddel foi vice-presidente de Pessoa Jurídica.

Fonte: Bahia Noticias.

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Tv Web Barreiras. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog Tv Web Barreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada ou que esteja sem identificação.

 
Topo