0

Os cristãos, diante dos acontecimentos da recente “manifestação sindical de velório”, ocorrida na cidade de Barreiras, com claras manifestações de desrespeito à consciência religiosa de nosso povo e aos símbolos da fé cristã, em nome da verdade que cremos, vimos através desta, como pastores do Povo de Deus repudiar esse ato que fere de maneira desrespeitosa o valor da vida, morte e sacrifício diante de um momento de dor. 

Um dos momentos mais delicados da existência humana é o confronto com a morte. Por mais que queiramos bem as pessoas que amamos, um dia teremos que nos despedir delas ou elas de nós. Por mais que tenhamos fé no Deus da vida e na ressurreição conquistada por Jesus Cristo e prometida a quem o segue, quando a morte chega, nós nos confrontamos com a dor, o sofrimento, o sentimento de vazio e a saudade. O funeral é parte de um amplo processo ritual de consolo cristão e construção da esperança em Cristo. No entanto, na última quarta – feira (16/08/17) foi vistos atos de desrespeito ocorridos em relação ao Ritual do Funeral Cristão. Com o uso de cantos e louvores fúnebres, uso de velas um dos maiores símbolos cristão que representa a luz de cristo – a vida e ressureição, ladainhas e palavras de ordem sobre um caixão com fotos e nomes de pessoas em vida. Esses atos afrontam claramente a fé cristã. Que jamais será teatral ou de encenação, a nossa fé é real de um Deus vivo que valoriza o amor. Como cristão devemos contribuir com o bem-estar da sociedade, pois somos, por força do Evangelho, construtores e promotores da liberdade e da paz e não à violência, ódio, rancor ou a morte. 

Os manifestantes cometerem crime de profanação contra símbolos religiosos é principalmente contra a vida, dom de Deus, ferindo a todos os cristãos ao usarem um caixão e fazerem todo o ritual de um funeral cristão, utilizando símbolos do cristianismo de forma escandalosa, zombando e ridicularizando desse momento tão sério e doloroso em nossas vidas. 

Essas manifestações de rua devem respeitar os cultos religiosos, não devem atacar símbolos religiosos. O Estado brasileiro laico tem que ser defendido, não se pode misturar política com religião. Sou a favor e defendo a realização das manifestações, mas eles não podem ultrapassar limites e ofender as religiões, é a vida das pessoas. Em relação à manifestação feita no plenário da Câmara Municipal de Barreiras, com a simulação de um velório e encomenda dos vereadores foi um ato que fere gravemente à vida e dignidade humana. Foi um ato completamente indevido e inapropriado transformar o plenário da Câmara em ato fúnebre. 

Principalmente porquê esse espaço é um lugar em que muitas famílias barreirenses já velaram seus entes queridos e jamais pode conceder que este momento de dor seja transformado em encenação e profanação contra a fé. 

Como cristão confirmo o seguimento a Jesus Cristo com o testemunho da beleza de nossa fé, na certeza de que devemos construir uma sociedade justa e igualitária através do respeito e amor ao próximo. 

Com o apóstolo Paulo confessamos:Se vivemos, para o Senhor vivemos; se morremos, para o Senhor morremos. Quer, pois, vivamos ou morramos, somos do Senhor” (Rm 14.8).

(Nota veiculada via rede sociais) - Autor Desconhecido.

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Tv Web Barreiras. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog Tv Web Barreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada ou que esteja sem identificação.

 
Topo