0

Memórias específicas poderiam ser selecionadas e apagadas sem afetar as demais, indica um estudo publicado na última semana no periódico Current Biology. Induzindo diferentes tipos de lembranças a partir de neurônios de um caracol, os cientistas perceberam que a força das conexões em memórias associativas (aquelas que estão ligadas a uma resposta ou comportamento) e não associativas (aquelas que aprendemos sem perceber) é mantida por formas diferentes da mesma proteína e, portanto, podem ser bloqueadas seletivamente.

Essa descoberta sugere que, no futuro, seria possível desenvolver medicamentos para “deletar” memórias que desencadeiem ansiedade e transtorno de estresse pós-traumático, sem interferir em outras memórias importantes de eventos passados. “Um foco de nossa pesquisa é desenvolver estratégias para eliminar memórias não associativas problemáticas que podem ser carimbadas no cérebro durante uma experiência traumática sem prejudicar memórias associativas”, diz em comunicado o professor de neurociência Samuel Schacher, do Centro Médico da Universidade de Columbia, nos Estados Unidos.

Fonte: Veja

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Tv Web Barreiras. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog Tv Web Barreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada ou que esteja sem identificação.

 
Topo