0

O dia de hoje tem um significado muito importante na história da humanidade, primeiro por ser o Dia Mundial da Água, segundo por alguns fatos históricos acontecidos nesse dia, como por exemplo o fato de que um jornal americano o Daily Ilustred Mirror ter publicado nesse dia a primeira fotografia colorida em um periódico (1904). Terceiro porque nesse mesmo dia em Berlim (1935) entrou no ar o primeiro programa regular de televisão de todo o mundo conhecido.

E nesse mesmo dia em 1941 aviões alemães metralharam o navio brasileiro Taubaté que navegava no mar Mediterrâneo. 

Mas vamos nos ater a questão do dia mundial da água, uma tomada de consciência sobre o quanto a humanidade de um modo geral tem desprezado essa questão. Países europeus já estão encontrando dificuldades com a água potável. 

Coisa que no Brasil parece até ser uma piada, pois temos uma imensidão supostamente interminável de água potável. Apenas supostamente, pois a depredação da mata ciliar nas margens dos rios, o desmatamento e o avanço da agricultura na agroindústria têm contribuído para a morte lenta de um de nossos mais caudalosos rios: O São Francisco. 

O Velho Chico está morrendo e isso está sendo observados a olho nu, sem necessidade de qualquer estudo mais aprofundado. O que se via a menos de dez anos atrás está completamente diferente hoje. 

Urge a necessidade de que precisamos dar atenção a todos os nossos rios e lembrar que em Barreiras a menos de 30 anos o Rio Grande apresentava agua quase cristalina. 

Essa consciência de preservação não pode ser unicamente da responsabilidade do governo, mas de todos os proprietários de terras ao longo dos rios. Restabelecer a mata ciliar será o fator mais importante de preservação. 

Caso isso não aconteça, a Natureza se encarregará de cobrar da humanidade por todos os danos ao eco sistema. 

Outros cuidados precisam acontecer em todos os lares, onde será preciso urgentemente mudar o comportamento familiar na utilização da água e no desperdício desnecessário. Cronometrar o momento do banho, da lavagem dos utensílios domésticos e não permitir o vazamento mesmo que mínimo nas torneiras. Entre outros cuidados como a lavagem de veículos e de calçadas. 

Chegará muito breve o tempo que o país que tiver petróleo não será tão rico como o que tiver água em abundancia. Já conhecemos guerras por motivos de exploração de petróleo e brevemente poderemos ter guerras pelo manancial de águas que ainda possuímos.

O Brasil já foi o maior exportador de café do mundo, o mesmo aconteceu com o cacau no Sul da Bahia, porque não pensar que no futuro também a água potável não será uma de nossas mais terríveis derrotas? 

É preciso ficar atento quanto à água e as nossas florestas, pois em algumas escolas europeias o mapa do Brasil está sendo estudado de forma diferente. Ou seja, sem a Amazônia, que para muitos é um patrimônio universal. 

Portanto abram os olhos e fechem as torneiras, pois nessa vida tudo tem começo, meio e fim. 

A crônica de hoje é dedicada as pessoas que preservam a natureza que se preocupam com o meio ambiente e com o ecossistema.

Colunista Guto de Paula.

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Tv Web Barreiras. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog Tv Web Barreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada ou que esteja sem identificação.

 
Topo