CRÔNICA DE GUTO DE PAULA - REMÉDIOS AMARGOS. - Tv Web Barreiras

Notícias Recentes

17 de nov de 2016

CRÔNICA DE GUTO DE PAULA - REMÉDIOS AMARGOS.

Vivemos hoje os efeitos de uma crise econômica e financeira. Consequência imediata da ausência de planejamento de governos estabelecidos, de decisões precipitadas, de incoerências, improbidades, corrupções e demais desmandos.

O governo apresenta uma proposta que em primeiro momento pode ser o inicio da solução ou o estabelecimento do caos. 

Projetar uma situação em busca de uma solução sem discutir com a sociedade, entidades de classe e etc. além de antidemocrático será sempre antiético e por consequência irá gerar inúmeras manifestações de repúdio.


Que não existe possibilidade do remédio que pode amenizar a crise ser doce é praticamente impossível. Ou seja, tem que ser ministrado e com a devida urgência para que o caso não se agrave mais ainda.

Já sabemos, pelo menos os que têm consciência da situação que o remédio será amargo. Difícil de engolir e muito pior de digerir. Mas, terá que ser ministrado. 

Tomara que atinja aqueles privilegiados que recebem salários astronômicos como ministros, senadores, juízes e altos funcionários da justiça .e etc. E que o peso total da medida seja dividido entre todas as classes sociais. Que não seja apenas a classe média baixa trabalhadora que irá receber o maior ônus da proposta. 

Na questão da saúde, educação e infraestrutura que as verbas pelo menos cheguem ao destino. Porque hoje sabemos que sempre houve dinheiro para esses setores primordiais, mas que sempre eram desviados para outros caminhos. Principalmente para correligionários políticos e para interesses puramente partidários.

Não gosto muito de falar na sigla e no número que identifica essa proposta. Porque em passado pouco distante outras siglas como AI5 e tantas outras nos causaram muitos e muitos danos. 

Todavia essa sigla que poderia ter esse ou aquele significado precisa de fato acontecer, não como pura imposição, mais sim como resultado de inúmeras discussões. Primeiro porque a crise é a evidência de uma incapacidade administrativa em sua essência mais logica. Resultado imediato da condução equivocada e irresponsável de quem estava no poder. 

Agora chegou o momento de juntar os cacos e tentar restabelecer a ordem natural das coisas. Tarefa difícil mas não impossível. Basta que para remediar uma situação difícil não se crie um ainda pior, se for imposta goela a baixo.

A ideia da crise é negativa, porem é o momento em que pessoas criativas conseguem não apenas sobreviver mas até lucrar com ela. Saltar esse muro de problemas sem sofrer danos será sempre um grande milagre. 

O que o povo em sua grande maioria espera é que novos ventos de progresso aconteçam e que as propostas que se apresentarem sejam discutidas por todos os interessados. 

E como diz o ditado popular: Se eu disser que o jumento morreu, ateie fogo na cangalha. 

A crônica de hoje é dedicada aos comerciantes de Barreiras, aos prestadores de serviços especiais, ao amigo arquiteto Carlos Prado e ao companheiro Everaldo Jorge. 

Boa Tarde!

Da redação Guto de Paula / Tv Web Barreiras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Tv Web Barreiras. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog Tv Web Barreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada ou que esteja sem identificação.