0

Ao receber um pedido tricolor de anulação da partida, o presidente do STJD, Ronaldo Piacente, aceitou abrir o processo e determinou que a CBF suspenda o resultado da partida até o final do julgamento. OU seja, a vitória rubro-negra está suspensa até decisão do tribunal. Esse é um procedimento padrão quando a corte analisa uma requisição de impugnação de jogo.

A diretoria do Fluminense entrou com o pedido para anular o jogo alegando que houve interferência externa para ajudar a arbitragem de Sandro Meira Ricci ao invalidar o gol de Henrique no clássico carioca. A decisão do juiz foi acertada, pois ele estava impedido. Mas esse tipo de influência é vedado pelas regras do jogo e, se ocorrer, gera um erro de direito.

Pelo CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva), em seu artigo 84, o pedido de anulação é encaminhado ao presidente do STJD que decide se o indefere por inépcia ou ilegalidade, ou se dá seguimento à ação.

''Já despachei. Recebi o pedido de impugnação de partida e determinei a intimação do Flamengo para se manifestar em dois dias e depois a procuradoria será intimada para também se manifestar em dois dias. Ainda determinei a intimação da CBF para não homologar a partida até a decisão final do processo'', contou Piacente.

A partir de agora, será sorteado um relator e o julgamento será no pleno do STJD. Piacente já manifestou que o tribunal só anulará o jogo se houver prova robusta da interferência externa que é negada pelo trio de arbitragem e pela CBF.

Por meio da diretoria de comunicação, o Flamengo se manifestou sobre o caso. ''Trata-se de procedimento padrão, que não muda nossa expectativa quanto ao resultado do processo e do jogo.''



Fonte: Blog Rodrigo Mattos.

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Tv Web Barreiras. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog Tv Web Barreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada ou que esteja sem identificação.

 
Topo