ELEIÇÃO 2016 : CAMPANHA DE VEREADOR E A EQUAÇÃO DA VITÓRIA. - Tv Web Barreiras

Notícias Recentes

3 de mai de 2016

ELEIÇÃO 2016 : CAMPANHA DE VEREADOR E A EQUAÇÃO DA VITÓRIA.

Por Maglon Ribeiro

Consultor em Marketing Político e Pesquisas Eleitorais


A campanha do candidato a vereador é muito diferente de todas as demais campanhas eleitorais para outros cargos públicos. É a eleição considerada a mais difícil de ser disputada. Isto por causa do número de concorrentes que o candidato enfrenta na eleição e, em regra geral, pela enorme dificuldade de atrair a atenção pública, quando comparada com todas as demais eleições. Um eleitor completamente indiferente; 60% só decide em quem votar nos últimos 10 dias da campanha.

O vereador, tomado isoladamente, e, numa comparação com os demais políticos, é o que menos poder possui. Dessa condição decorre o baixo interesse da mídia, a reduzida cobertura dada pelos seus veículos às atividades dos vereadores, e, em conseqüência, o baixo nível de informação e interesse do eleitor comum na escolha do seu candidato, e, depois, no acompanhamento de suas atividades.

O candidato a vereador enfrenta 3 principais desafios à sua competência, criatividade e trabalho, para lograr ser eleito:

a) O desafio da relevância - O candidato deverá prover o eleitor com argumentos fortes que recomendem votar nele.

b) Identidade - O candidato deve criar uma identidade própria para sua candidatura, diferente de todas as demais. Não basta um nome ou apelido que o singularize. Essa identidade, se não ganhar um conteúdo forte, não resiste. É aqui que entra a questão da imagem.

c)O desafio da "equação da vitória" - Você deve conceber, por antecipação, modificar e corrigir, com o andamento da sua campanha, a "equação da vitória": de onde saem e qual o valor em votos das parcelas de eleitores que lhe darão o quociente eleitoral.

Na busca de voto um a um você tem que trabalhar a equação da vitória, mais ou menos assim :

CE= x votos familiares e amigos + x votos familiares e amigos dizem conseguir + x votos vizinhança + x votos no bairro + x votos no trabalho + x votos pequenos comerciantes + x votos de fornecedores, + x votos de empregados + x votos no clube sindicato, associação que pertence + x votos cabo eleitoral Z, cabo eleitoral W, cabo eleitoral Y, etc + x votos eleitores do deputado V + x votos lista A,B,C,D etc + x votos conquistados no contato pessoal, no corpo a corpo, e assim, sucessivamente.

É para esses que você vai fazer sua campanha, fazer contato pessoal, mandar literatura de campanha, telefonar, convidar para eventos etc. Esse exemplo serve apenas para ilustrar como é possível buscar eleitores dentro de segmentos, estimar que parcela deles pode vir a votar em você, selecioná-los para o contato de campanha. Seu total deve ser bem maior que o quociente eleitoral, e à medida que os nomes são anotados, a lista deve ser depurada de nomes repetidos.

O especialista, Ronald Amaral Kuntz, pioneiro na área de Marketing Político no Brasil, nos traz algumas perguntas indispensáveis para um candidato nesse momento da pré campanha, que recomento você, candidato responder.

1. Qual é o potencial de votos em cada bairro, onde concorro?

2. Quantos votos eu já tenho?

3. Onde estão?

4. Quantos votos me faltam?

5. Qual a margem de segurança necessária para assegurar a minha eleição?

6. Onde tenho mais chance de ir busca-los?

7. Quem são meus concorrentes?

8. Qual é a situação deles em relação ao eleitorado?

9. Qual a situação de meu partido e a dos outros partidos?

10. Quem poderiam ser os meus aliados?

11. Onde eles atuam e qual a situação?

12. Quantos votos poderia transferir-me esta aliança?

13. Qual a melhor maneira de manter os meus votos e conseguir os votos que me faltam?

14. Quanto me custaria essa conquista?

15. Quanto eu tenho para gastar?

16. Quais os recursos humanos de que disponho?

17. Quanto me falta?

18. Como e onde conseguir?

19. Quanto tempo eu levaria para isso?

20. Quais são as minhas chances?

21. Quais os temas que deverão constar de minha plataforma?

22. Qual o melhor símbolo e slogan para minha campanha?

23. Qual o melhor visual para minha campanha?

24. Que outros serviços contratar?

25. Com quem efetivar as alianças?

26. Como compatibilizar a minha estratégia com as adotadas pelos aliados?

27. Quando e onde eu devo estar presente?

28. Quais os outros meios de atingir os eleitores?

29. Como controlar, selecionar, coordenar e utilizar todas as informações que me chegam?

30. Qual a qualificação da equipe a ser contratada?

31. Como orientar e treinar esse pessoal?

32. Como e quando reformular as estratégias por mim adotadas na campanha?

As respostas as perguntas acima são um bom começo para direcionar estrategicamente da campanha e consequentemente fechar a equação da vitória.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Tv Web Barreiras. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog Tv Web Barreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada ou que esteja sem identificação.