0

Tira a calça jeans, bota o fio dental, morena você é tão sensual”. 

Existem duas coisas que não sabíamos nos anos 90, quando essa canção foi lançada. A primeira é que tirar a calça jeans pode ser sensual, a segunda é, para que diabos serve aquele bolsinho frontal da calça jeans?

– Eu não sei como responder essa questão.

Essa pergunta para muita gente pode parecer insignificante, porém ela chegou a ser levada ao fórum Quora, um site que compartilha conhecimento entre seus usuários do mundo todo, e foi respondida da seguinte maneira:


“É um bolso para relógio. No período de 1800, os cowboys usavam relógios de bolso e os guardavam em seus coletes. Para prevenir que os objetos se quebrassem, aLevi’s introduziu o bolsinho nas calças, para que eles (os cowboys) guardassem seus marcadores de horas” – respondeu um dos usuários.

Parece balela, porém, o próprio blog da Levi’s confirma a definição dessa pequenina abertura frontal.

A primeira calça jeans tinha quatro bolsos – apenas um na parte de trás e, na frente, dois bolsos com o acréscimo de um bolsinho, o bolso para relógio. Originalmente esse bolso extra foi incluído para proteger os relógios, mas independente do nome, essa abertura a mais já serviu para inúmeras funções, ganhando vários nomes como: bolso da frente, bolso da camisinha, bolso das moedas, bolso do isqueiro e bolso de bilhetes, para elucidar alguns nomes atribuídos.

E de acordo com a declaração de Tracey Panek, historiadora da Levi’s, para oHuffington Post, “o bolso aparece nos jeans mais velhos, registrados nos arquivos da Levi’s, por volta do ano de 1879.

Fonte: Sos Solteiros

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Tv Web Barreiras. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog Tv Web Barreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada ou que esteja sem identificação.

 
Topo