0

O preso da justiça Josenilton Correia dos Santos, 39 anos, natural de Ubatã (BA), mas que responde por um crime de estupro em Luís Eduardo Magalhães, extremo Oeste da Bahia, foi assassinado na cela de ”numero 1” da cadeia do Complexo Policial de Barreiras (BA).

Nesta terça-feira (26), agentes especiais do setor de custodia encontraram o corpo logo ao amanhecer quando foram conferir a carceragem para o fechamento do plantão das ultimas 24 horas. O corpo de Josenilton estava pendurado por uma corda de tecidos feita pelos presos. 

No corpo haviam sinais claros de espancamento. Apesar de que a vitima foi encontrada como se tivesse cometido suicídio, para o delegado de polícia Joaquim Rodrigues, titular de Barreiras, tudo indica que foi uma simulação dos presos e, que Josenilton, tenha sido ”julgado” e ”sentenciado” pelos seus colegas de cela, em repúdio ao crime de estupro que ele estava sendo acusado. 


O crime de homicídio aconteceu na ”cela do seguro”, onde estão apenas presos que cometeram crimes de violência sexual. Josenilton foi transferido em 20 de outubro de 2015 da cadeia de Luís Eduardo Magalhães para Barreiras, por medida de segurança. Portanto, a pouco mais de três meses, estava no local onde terminou assassinado. O corpo do ”estuprador” está no IML do mesmo Complexo Policial.

Fonte: RB - Video no Sitewww.rb.am.br

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Tv Web Barreiras. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog Tv Web Barreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada ou que esteja sem identificação.

 
Topo