0

Na manhã desta quinta-feira (15) em entrevista concedida a Rádio Bom Jesus AM, o Secretario de Administração Gildásio Júnior e Marcelio Magno Secretario de saúde, rebateram uma suposta notícia veiculada nos meios de comunicação inclusive na internet de que o Ministério Público estava ingressando com medidas para intervir a maternidade e municipal de Bom Jesus da Lapa, afirmaram ser totalmente inverídica a afirmações, inclusive afirmando que o Ministério Público não tinha recebido qualquer reclamação sobre a maternidade, sendo até mesmo impossível atualmente ser verdadeira a notícia de intervenção na maternidade, posto, que atualmente em Bom Jesus da Lapa, os cargos de promotor estão vagos, ou seja, inexiste atualmente promotor titular no município.

Afirmaram ainda que tal reportagem, infelizmente, tem um condão político, ou seja, pessoas despreparadas já estariam utilizando de reportagens inverídicas para fazer oposição ao governo atual.

O Secretario Gildásio Júnior afirmou que “ a oposição na democracia é salutar e saudável, mas desde que haja com responsabilidade, e respeito aos cidadãos, agindo de forma construtiva e não destrutiva como vem fazendo. E ainda disse “ que apesar das eleições só ocorrerem o ano que vem, infelizmente tem pessoas que se antecipam, levantado fatos inverídicos em total desrespeito as instituições e a sociedade.

O Secretário Marcelio informou ainda que a maternidade municipal está funcionando normalmente e em pleno vapor, tendo somente hoje até aquela hora meio dia já tendo feito 04 partos estando outros quatro já em andamento, e que em média a maternidade tem efetuado 150 partos mensais, já tendo efetuado nestes quase três anos quase quatro mil partos, com gestantes de mais de vinte municípios da região, e que apesar de ser municipal a mesma atende como se fosse regional, já que o prefeito Eures Ribeiro determinou que se recebesse mulheres grávidas de qualquer município da região, não recusasse qualquer paciente.

Finalizando o secretario dr. Gildasio citou apenas como fator de credibilidade da Maternidade o fato de dois secretários do município, o próprio Marcelio da saúde e Marcos Haiala da Agricultura terem tidos seus filhos na maternidade e pediu ainda a oposição que seja mais responsável em seus atos, já que a publicação de notícias inverídicas como estás só desqualifica e põem em cheque a credibilidade da oposição.

Ascom.

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Tv Web Barreiras. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog Tv Web Barreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada ou que esteja sem identificação.

 
Topo